Queda de cabelo pós-parto: como reduzir?

A gravidez é um momento único e mágico na vida de uma mulher, porém vem acompanhada de diversos incômodos: os enjoos, azia, oscilação de humor, fome e sono excessivos, irritabilidade… tudo isso costuma ter um único culpado: os hormônios, que ficam desregulados nesse período.

Mas tá pensando que é só o bebê nascer pra tudo voltar ao normal? Infelizmente, não é bem assim. Os hormônios continuam agindo no corpo da mamãe para que ela consiga produzir leite, por exemplo, porém continuam causando efeitos desagradáveis como a queda de cabelo pós-parto.

Não se desespere se seus cabelos estiverem caindo aos tufos: a maioria das mamães passa por isso. Continue lendo para descobrir como evitar e reverter esse processo:

 

Qual é a causa da queda de cabelo pós-parto?

Qual é a causa da queda de cabelo pós-parto?
A superprodução de estrogênio durante a gravidez faz com que os cabelos cresçam mais rápido

A superprodução de estrogênio durante a gravidez faz com que os cabelos cresçam mais rápido, mais fortes e bonitos e caiam menos. Porém, por conta do parto e da diminuição natural desse hormônio, a tendência é que os fios comecem a cair de uma forma excessiva, pois todo o cabelo que não caiu em nove meses vai começar a cair de uma vez só.

Essa queda costuma durar de 2 a 3 meses, e pode ser causada ou agravada pelo stress, cansaço, perda rápida de peso ou má alimentação, tão comuns nos primeiros meses com o bebê em casa.

 

É normal ficar com falhas por conta da queda capilar pós-parto?

Não. Se você começar a apresentar falhas ou quedas pontuais, o melhor é procurar um dermatologista logo, pois provavelmente existem outras causas para essa queda, não é algo puramente hormonal.

Avaliações que podem ser feitas para detectar a causa de queda capilar

Tireoide: caso você esteja com algum distúrbio nessa glândula, um tratamento específico vai fazer com que a queda de cabelo cesse;

Nutricional: carências nutricionais de vitaminas podem desencadear um processo de queda de cabelo. Nesse caso, o profissional nutricionista deve lhe orientar sobre as melhores formas de revertê-lo.

 

Hábitos que ajudam a reduzir a queda de cabelo após o parto.

Geralmente, a queda é maior durante o banho ou secagem com o secador. Assim sendo, procure espaçar mais as lavagens e deixe o secador um pouco de lado durante um tempo e avalie se o seu problema melhora.

  • Lavar o cabelo dia sim, dia não e deixá-los secar naturalmente são boas alternativas;
  • Massagear bem o couro cabeludo durante o banho estimula o crescimento dos fios;
  • Usar tônicos fortificantes pode ajudar a reduzir a queda;
  • Controlar a oleosidade capilar para evitar entupimento dos poros;
  • Evitar químicas, lembrando que alguns procedimentos podem até mesmo prejudicar o seu bebê;
  • Beber muito líquido: água, água de coco e sucos naturais apenas com frutas ou com legumes e verduras. Não é tão ruim quanto parece!
  • (Pedir para alguém) preparar e diversificar todas as refeições. E isso inclui não comer os restos do almoço na janta, ok? Dessa forma, você garante a ingestão de nutrientes diferentes.

É muito difícil conseguir seguir esse último hábito logo após o parto, uma vez que a rotina está toda alterada, então não se sinta culpada se não conseguir mantê-la, certo?

 

Já fiz tudo isso, mas a queda persiste! o que devo fazer?

Sei que pode ser muito difícil, principalmente para quem não tem muita ajuda em casa depois que o bebê nasce, mas o que você pode fazer é descansar sempre que possível, se alimentar corretamente (aumentando a ingestão calórica no caso de estar amamentando) e manter a calma. Você não precisa de mais um motivo para se estressar, certo? Seus fios voltarão a crescer logo, logo.

No entanto, se o seu problema for grave e estiver incomodando a ponto de afetar seu dia-a-dia e autoestima, o melhor a fazer é consultar um profissional de saúde, como por exemplo um dermatologista, que lhe indicará os melhores tratamentos.

 

Queda de cabelo pós-parto tem tratamento!

Queda de cabelo pós-parto tem tratamento!
Imagem tratamentos para queda de cabelo pós parto

Você mantém hábitos corretos, fez os exames que seu médico mandou, sua tireoide está funcionando perfeitamente e sua alimentação está mais do que correta e mesmo assim os cabelos não param de cair? Então você deve começar a pensar em investir num tratamento para queda de cabelo.

Existem diversas pílulas, xampus, géis e até mesmo tratamento a laser para o problema, porém cabe a seu médico decidir o que é melhor pra você e seu bebê. Você não quer prejudicá-lo fazendo um tratamento por conta própria, certo?

No caso de querer fazer algo sozinha, lá vai uma

Imagem tipos de tratamento para queda de cabelo pós parto receita de suco que pode ajudar:

1 copinho de iogurte natural, 3 castanhas do Pará e 1 banana. Bata tudo no liquidificador e tome logo em seguida. De preferência, beber diariamente.

 

O que fazer enquanto os cabelos não crescem?

Você já viu isso antes: os fios começam a crescer e ficam todos espetadinhos. Irritante, né? Uma boa opção é usar pomadas e sprays que fixem os cabelos, de forma que fiquem no lugar e não espetem.

Se o seu cabelo caiu muito e perdeu volume, um corte mais curto e/ou franja ajuda a disfarçar.

 

Meu cabelo era “escorrido” e agora está ondulado! é normal?

Sim. Por conta de todas as mudanças que ocorrem na gravidez e no pós-parto, é normal que os cabelos cresçam com características diferentes. Você pode ter um cabelo seco, quando o natural era oleoso; cabelos cacheados, quando o natural era cacheado etc.

E então, gostou das dicas para reverter o processo de queda de cabelo pós-parto? Com certeza você encontrou algo que lhe ajudou, certo? Compartilhe nas redes sociais.